Bem-vindos a Sociedades dos Poetas

Um blog para gente de bom gosto, onde o conhecimento é algo a ser buscado - enquanto estiver vivo!

quinta-feira, 28 de abril de 2016

O que você seria capaz de fazer no primeiro dia de aula para encantar seus alunos?




Título do Trabalho: Leco, um menino medroso

O primeiro dia de aula inaugura uma fase que pode ser vista como “boa” ou “ruim”. Como já diz o ditado: a primeira impressão é a que fica; assim, de igual modo, nós como futuro professores devemos elaborar uma calorosa recepção para nossos alunos, afim de que eles se sintam motivados a voltar na próxima aula, não vindo tristonhos e cabisbaixo, ou, muitas vezes com medo.
Por tal motivo, fora-nos pedido a elaboração de uma aula inaugural realmente encantadora, onde os docentes venham se admirar e sentir que a escola pode sim ser um lugar empolgante e de grandes descobertas afinal.
Desta forma, criar uma dinâmica diferente é muito importante, para tal, foi pensado trazer um boneco, por nome Leco; ele também tinha medo do primeiro dia de aula (com isso alguns alunos também poderão se identificar com ele, por também possuírem este mesmo medo). Desta forma, alunos e professor interagirão com Leco, contando-lhe histórias boas para que ele não me amedronte ainda mais.
Este método pode ser levado até o ultimo dia de aula, ficando Leco em sala de aula continuamente. De forma lúdica, o professor poderá criar várias circunstâncias, dinâmicas e aulas envolvendo o boneco, afim de proporcionar um aprendizado diferenciado para os alunos.
Tal método pode ser aplicado desde a Educação Infantil até o 5º ano do Fundamental I, somente adaptando a linguagem a cada faixa etária, criando com isso um mundo novo e divertido durante o ano todo, não ficando preso apenas ao primeiro dia de aula.

A seguir, criamos uma história fictícia de um primeiro dia de aula usando o boneco Leco com alunos do 2º ano do Fundamental I.

Professor: Alunos, este ano teremos um (uns) aluno(s) novo(s) (se houver outros alunos novos também devem ser apresentados antes do Leco). Bem, temos este garotinho, seu nome é Leco e ele tem muito medo do primeiro dia de aula. Quem tem medo também? (o professor deve ouvir os comentários dos alunos e, depois, prosseguir em seu relato). O que vocês fazem para espantar o medo? Que conselho vocês podem dar ao Leco? (o professor reúne os conselhos e os escreve na lousa, assim, sem perceberem, estarão treinando a leitura e, posteriormente a escrita, quando o professor pedir para que os alunos escrevam um pequeno bilhete para motivar Leco a estudar e perder o medo deste dia).

Desta maneira, poderemos criar várias situações usando este mesmo boneco interagindo com os alunos de forma positiva e agradável.
Em suma, podemos notar que uma aula mais voltada para o trabalho lúdico, envolvendo “contação de histórias” e “faz de contas”, torna o ambiente escolar mais receptivo aos alunos, criando, com isso, um mundo mais próximo à realidade da criança.